terça-feira, 4 de abril de 2017

Confira entrevista do prefeito Geomarco Coelho ao GRTV 1ª Edição da TV Grande Rio


O prefeito de Dormentes Geomarco Coelho participou hoje (04) do GRTV 1ª Edição na TV Grande Rio em Petrolina, onde concedeu entrevista, respondendo sobre as dificuldades no início da gestão, caprinovinocultura, Caprishow, abastecimento d’água, educação e pagamento dos servidores.

Confira a entrevista:

GRTV – Como é que está Dormentes nesse início de Governo do Senhor?

Geomarco – Olha, é um início muito turbulento, mas como já tenho costume, já estou pela quarta ver a frente da prefeitura... Encontramos muitas dívidas, inclusive já pagamos um bom número de dívidas que um município tem, e é a partir daí que estaremos agindo com muita responsabilidade, com muita dedicação para poder fazer um grande trabalho. Também estamos correndo atrás de recursos fora, do governo do estado e do governo federal, estamos trabalhando com muito cuidado, com muita economia, com o conhecimento que temos de cuidar de uma gestão e a população espera muito da gente, porque a população de Dormentes é politizada, é preparada e gosta de ver os desafios enfrentados e foi aí que a população confiou nessa missão de mais uma vez me colocar na prefeitura, para responder nesses momentos em que Dormentes realmente estava sem um gestor, para que pudéssemos cuidar melhor do município.

GRTV – Prefeito, o município de Dormentes é conhecido em toda região pela grande criação de caprinos e ovinos, tem até uma feira que também é muito conhecida na região e atrai muitas pessoas pra lá, como é que o município está fazendo para melhorar essa feira, melhorar a criação, a situação dos criadores com a seca que a gente vem enfrentando?

Geomarco – Nós estamos agindo da seguinte forma, procuramos o governo do estado, os nossos deputados, o senador Fernando, pra poder viabilizar imediatamente a venda do milho da Conab, já que para cuidar da caprinovinocultura, temos que primeiro cuidar da base, da questão da alimentação do rebanho, e é por isso que Dormentes enfrenta a seca, já é o sétimo ano de seca, com mais tranquilidade, pois as pessoas vivem do associativismo, vivem organizada, aprenderam a conviver com a seca, e é por isso que graças a Deus estamos esperando uma produção de pelo menos a palha para fazer silagem e estamos investindo também na questão de buscar novos projetos, já estamos com um projeto sendo acompanhado para ser executado imediatamente, que é a construção do abatedouro e o centro de beneficiamento da carne, porque nós precisamos buscar melhorias na comercialização. Dormentes hoje tem uma feira semanal que eu vi nascer nas minhas mãos, criamos também o grande evento de valorização da caprinovinocultura, que é a Caprishow, e aproveito para desde já convidar para de 18 a 21 de maio, que nós vamos realizar a XII Caprishow, inclusive melhorando mais ainda o espaço, dando mais oportunidades para nossos criadores, para o comércio local, buscar mais investimentos para que a nossa população possa ganhar mais com isso. A caprinovinocultura, hoje eu fico muito preocupado, pois nós não podemos perder nosso rebanho, se isso vier acontecer, que são mais de 300 mil cabeças, nós podemos nos tornar um município pobre, então nós queremos avançar nessa direção, já recebi o sinal positivo de que a Conab vai vender o milho, pois nós temos que fazer algo nesse sentido da ração, então esperamos a ajuda do governo.

GRTV – Prefeito, nós também queremos saber sobre a questão do abastecimento de água, como é que está a situação atual lá, já que existiam tantos problemas em relação a essa questão?

Geomarco – Com certeza, a TV Grande Rio teve várias vezes em Dormentes. Sei disso, Dormentes tinha um problema sério que era o do saneamento, muito grave, parecia que não tinha uma administração no município, e hoje controlamos, já melhorou essa questão do saneamento, e estamos avançando na questão da água, tive já em alguns momentos na Compesa de Petrolina, já estive com o próprio governador e com Roberto Tavares, o secretário que coordena a Compesa, estamos hoje com o sistema de abastecimento d’água bem melhor.

GRTV – Ainda com rodízio?

Geomarco – Ainda está com rodízio, estamos com dificuldade ainda, estamos apertando a Compesa com relação a essas pessoas que estão sangrando a adutora e isso tem inviabilizado para a água não chegar a nossa cidade. Essa adutora quando foi construída foi para abastecer Afrânio, Dormentes e Rajada, e hoje ela está também abastecendo um grande número de propriedades, então, a cidade que cresceu bastante está enfrentando uma série de dificuldade com relação a essa questão da água. Mas, nós sempre estamos correndo atrás, tentando resolver, não vamos ficar de braços cruzados, porque eu sei da responsabilidade, a Compesa tem por obrigação resolver esse problema e nós somos também cobradores disso, pois somos parceiros.

GRTV – Qual é a real situação da educação no município?

Geomarco – Graças a Deus iniciamos nossas aulas no tempo certo, tive a oportunidade de nos meus outros mandatos ser primeiro lugar no IDEB entre os municípios, estamos graças a Deus fazendo um trabalho muito forte, iniciamos com um apoio muito forte nas escolas, mudando a questão da estrutura das escolas, dando apoio também ao professor, ajudando os professores, nós temos que valorizar ainda mais nossos professores. Eu acredito muito em nossas famílias de Dormentes, inclusive nossa secretária, toda nossa equipe está disposta a ver Dormentes novamente voltar a sorrir, ter novas vitórias com o IDEB, pois os resultados que tivemos no passado estamos esperando também agora.

GRTV – E a questão dos servidores de Dormentes, tudo regularizado sobre a questão do pagamento?

Geomarco – Graças a Deus. Encontrei a folha de dezembro sem ser paga, encontrei o 1/3 de férias, enfim, hoje eu já paguei mais de um milhão e trezentos mil só com folha de pagamento, no mês de fevereiro paguei três folhas, e na semana passada tive que pagar na sexta feira uma dívida deixada de agosto até dezembro de INSS, pra ter a prefeitura com a documentação todinha em dias, porque nós precisamos receber recursos do governo do estado, do governo federal e pra isso acontecer nós precisamos fazer o dever de casa correto. Tirei dinheiro de outras coisas, era um dinheiro que eu poderia estar aplicando em outras áreas como nós queremos aplicar, mas fui obrigado a fazer esses pagamentos, fiz com muito cuidado, com responsabilidade, pois seria impossível ver o comércio local sendo prejudicado e muito mais os servidores com os salários atrasados.  



Fonte: (Dormentes em Rede)
Da Redação do Blog Paulo Benjeri
PUBLICIDADE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um comentário

Todos os direitos reservados Blog Paulo Benjeri © Copyright 2013-2017

Veja também.