sábado, 3 de junho de 2017

Morre nos Estados Unidos missionário que trabalhou na Diocese de Juazeiro por mais de 40 anos


O município de Juazeiro (BA) perdeu uma de suas figuras religiosas mais marcantes. Morreu nos Estados Unidos o padre Guilherme Fitz, um missionário americano que trabalhou na diocese da cidade baiana por 42 anos.
Ele foi colega de ordenação de Dom Tomas Murphy, o primeiro bispo de Juazeiro. Os dois foram ordenados no dia 29 de junho de 1943. Fitz chegou à Diocese de Juazeiro em junho de 1968, uma semana antes da celebração dos seus 25 anos de sacerdócio.
Passou dois anos em Sento Sé, no norte da Bahia, com o Padre Bernardo Van Hoomisen, seu confrade redentorista. Em 1970 foi transferido para a atual Paróquia de Santo Afonso, então comunidade de “Casas populares” (parte da Paróquia da Catedral).
Depois de alguns anos foi confiado a ele o serviço pastoral de toda a zona rural de Juazeiro. Retornou aos Estados unidos em janeiro de 2010. Faleceu na casa de idosos São Clemente, onde Dom Tomas está enterrado. (Foto/arquivo pessoal)


Fonte: (Blog do Carlos Britto)
Da Redação do Blog Paulo Benjeri
PUBLICIDADE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um comentário

Todos os direitos reservados Blog Paulo Benjeri © Copyright 2013-2017

Veja também.